21 Julho, 2015

No dia 17 de julho, foram apresentados os principais resultados de quatro projetos financiados pelo Algarve 21 – Programa Operacional Algarve 2007-2013, no NERA – Associação Empresarial do Algarve. De realçar que três destes projetos foram coordenados pela Universidade do Algarve.

A sessão de abertura contou com a presença de representantes das entidades envolvidas no desenvolvimento destes projetos: António Branco, reitor da Universidade do Algarve; Vítor Aleixo, presidente da Câmara Municipal de Loulé; Vítor Neto, presidente do NERA – Associação Empresarial da Região do Algarve; e David Santos, presidente da CCDR – Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Algarve.

Empreender e inovar mais

“Algarve 2015 – Empreender e Inovar +” foi o primeiro projeto em destaque. De acordo com Hugo Barros, coordenador do CRIA – Divisão de Empreendedorismo e Transferência de Tecnologia da UAlg, as ações dinamizadas resultaram na realização de diagnósticos a 52 empresas, na promoção de 55 encontros bilaterais, no desenvolvimento de 30 propostas de I&DT para a solução de necessidades empresariais, e na submissão de 6 projetos de colaboração ao CRESC Algarve. O projeto resultou ainda na organização de 6 FocusGroup, que resultaram em 24 comunidades de inovação. Adicionalmente, o projeto supramencionado integrou ainda o lançamento do concurso ‘Ideias em Caixa’, que recebeu 161 candidaturas, mais do dobro das que estavam previstas.

Experimentar mais e melhor em novas e renovadas infraestruturas

Também no projeto “UAlg Business Lab” se destacaram iniciativas como a construção dos espaços laboratoriais do curso de medicina da UAlg, a requalificação da estação experimental do Ramalhete, e a requalificação dos pavilhões dos espaços de incubação, nomeadamente pré-laboratoriais e espaços escritório.

Em termos imateriais, destaque para a atualização do catálogo de competências da UAlg, nas ações de matchingtecnológico entre a Universidade e o tecido empresarial.

Os resultados atingidos resultam numa maior capacitação da Universidade do Algarve como agente de inovação e competitividade territorial, em cooperação com os demais agentes económicos e sociais.

“O negócio está na área”

Promovido pela Câmara Municipal de Loulé e pelo NERA, o projeto AEL – Área Empresarial de Loulé também esteve em análise. Este projeto incluiu a criação de uma marca, com o slogan “o negócio está na área”, de uma imagem e de diversos materiais e suportes de comunicação, nomeadamente o website www.aeloule.pt.

No âmbito do AEL, foram ainda realizadas ações de capacitação das empresas instaladas, obras, uma das quais no troço da EN396, e iniciativas de promoção de intercâmbio empresarial. Foi ainda criada uma linha de apoio para acolher novas empresas, que prestou consultoria a 14 empreendedores.

Junção de empresas de diferentes setores origina novos projetos

O evento Empreendedorismo e Inovação Empresarial terminou com a apresentação dos resultados do projeto INTERSETOR – Promoção da Variedade Relacionada no Algarve.

Uma das atividades do INTERSETOR consistiu na realização de 16 workshops para a criação de redes de cooperação locais e regionais, entre entidades de diferentes setores de atividade, que contaram com cerca de 200 participantes.

Durante o período de execução do projeto INTERSETOR, foram também realizados encontros bilaterais e desenvolvidas ações de amadurecimento e seleção de projetos de variedade relacionada e outras de apoio na preparação e submissão de candidaturas ao CRESC – Algarve 2020. Até ao momento, foram submetidas 6 candidaturas a este novo programa de financiamento comunitário, estando em preparação 11 projetos intersetoriais.

Durante o seminário foram ainda apresentados os testemunhos de empresários e empreendedores a quem foram concedidos apoios para desenvolvimento de ideias de negócio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *