Daily Archives: 9 Setembro, 2015

 Mais de 4.000 novos estudantes da U.Porto vão invadir amanhã a Praça Gomes Teixeira

Amanhã, dia 10 de setembro, a partir das 14h30, os 4.130 estudantes que acabaram de entrar na Universidade do Porto vão invadir a Praça Gomes Teixeira, em frente ao edifício da Reitoria (aos Clérigos), para a sessão de receção que contará com as intervenções do Presidente da Câmara Municipal, Rui Moreira, do Presidente da Federação Académica do Porto, Daniel Freitas, e do reitor da U.Porto, Sebastião Feyo de Azevedo.

Numa iniciativa inédita, a Universidade junta-se a algumas das mais importantes instituições da cidade do Porto para dar a oportunidade aos novos estudantes de conhecerem de forma totalmente gratuita os espaços emblemáticos da Invicta durante dois dias, 10 e 11 de setembro. Torre dos Clérigos, Museu Nacional Soares dos Reis, Casa da Música, Fundação de Serralves ou o Rivoli são alguns dos espaços que se vão aliar à festa de receção dos novos estudantes abrindo as portas para mostrar o melhor que a cidade tem para mostrar (roteiro completo em anexo).

Para além desta oportunidade, a sessão contará também com a atuação da banda portuguesa “Best Youth” para um concerto de boas-vindas aos novos estudantes da U.Porto, às 15h45, na Praça Gomes Teixeira. Este encontro simbólico na Praça Gomes Teixeira será também um momento único de contacto entre todos os novos estudantes de todas as catorze faculdades da U.Porto. Os estudantes da U.Porto terão ainda acesso ao Kit de Estudante que inclui toda a informação sobre a Universidade e a cidade.

O dia da sessão de receção termina com um concerto gratuito da Orquestra Clássica da Faculdade de Engenharia da U.Porto, às 21h30, no Rivoli, e contará com interpretações de peças de Mozart, Sibelius, Bizet, F. Lehar e Tchaikovski.

Esta é a 4.ª edição da Sessão de Boas Vindas aos Novos Estudantes da U.Porto que este ano reúne, pela primeira vez, no centro da cidade mais de 4 mil jovens acabados de chegar à Universidade. Note-se que a U.Porto voltou a distinguir-se no Concurso Nacional de Acesso ao Ensino Superior tendo preenchido 99,3% das vagas disponibilizadas, registando uma procura quase duas vezes superior à oferta.

PHDA em adolescentes e adultos explicada em livro

Já está disponível, nas livrarias portuguesas, o livro “Crescer e Viver Diferente”, uma obra da autoria de Carlos Nunes Filipe que explica as perturbações do desenvolvimento mais prevalentes, o seu diagnóstico e a importância da intervenção terapêutica nas crianças e, sobretudo, em adolescentes e adultos. O livro será apresentado amanhã, pelas 20h30, na FNAC do Chiado, em Lisboa.

De acordo com Carlos Filipe, autor do livro e simultaneamente psiquiatra e professor da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Nova de Lisboa: “este livro foca essencialmente a forma como as perturbações do desenvolvimento condicionam o quotidiano dos doentes e dos seus cuidadores, nomeadamente pais, professores, psicólogos ou médicos”.

E acrescenta: “Pela minha experiência clínica, apresento várias estratégias e exemplos ao longo do livro que mostram como estas pessoas, que sofrem de algum tipo de perturbação do desenvolvimento, enfrentam diversas dificuldades diariamente ao nível da linguagem, mobilidade, aprendizagem, autonomia e vida independente”.

Explica Carlos Nunes Filipe, autor do livro: “O desenvolvimento do sistema nervoso é um processo complexo para o qual contribuem múltiplos fatores, uns de caráter genético, outros biológicos e sociais. A eventual alteração de alguns destes fatores ou o desequilíbrio nas relações existentes entre eles, podem levar à manifestação de uma ou mais perturbações do desenvolvimento que, normalmente, têm o seu aparecimento ainda antes do nascimento e as suas consequências prolongam-se por toda a vida”.

O livro vai focar-se na perturbação do espectro do autismo, incluindo a síndrome de Asperger, e dedica um longo capítulo, ao tema da perturbação de hiperatividade e défice de atenção (PHDA), em particular no adulto, um problema ainda pouco explorado em Portugal e que se sabe que afeta cerca de 1 a 2 por cento da população na idade adulta, dados que incluem pessoas que tendo sido crianças com PHDA não foram, no seu tempo, diagnosticados.

“A PHDA é caracterizada por um conjunto de sinais e sintomas de desatenção, impulsividade e agitação motora claramente exagerados atendendo à idade e à circunstância social. Sendo que se manifesta desde a infância, o diagnóstico não pode ser feito tendo somente em consideração os comportamentos e as queixas atuais mas toda a história de vida da pessoa”, refere.

Carlos Nunes Filipe nasceu em 1956 e é licenciado em medicina, com especialidade em Psiquiatria e grau de competência em Neurofisiologia Clínica. Doutorado pela Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Nova de Lisboa, desenvolveu trabalho de investigação na área de Fisiologia e da Fisiopatologia do Sistema Nervoso Central, na Holanda e em Portugal. É professor auxiliar da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Nova de Lisboa, regente das Disciplinas de Fundamentos de Neurociências e Fisiologia Médica; Psiquiatra da Associação Portuguesa para as Perturbações do Desenvolvimento e Autismo, em Lisboa, desde 2000. Foi Diretor Científico e coordenador do grupo de Psiquiatria do CADIn (Centro de Apoio ao Desenvolvimento Infantil) entre 2005 e 2015. Ao longo dos últimos quinze anos, o seu interesse tem sido orientado principalmente para a psicopatologia e a clínica das perturbações do desenvolvimento e, em particular, para as manifestações das perturbações do desenvolvimento nos adultos.

MBA Tour juntam-se para novo evento em Lisboa

A Michael Page, empresa líder em recrutamento de quadros médios e superiores, junta-se ao Advent Group para a realização do evento anual Access MBA Tour, no dia 10 de outubro, no Sana Lisboa Hotel. O evento pretende motivar e apoiar o desenvolvimento da formação superior dos profissionais portugueses.

A Access MBA Tour reúne candidatos e responsáveis de departamentos de admissão a MBAs e Master Degrees de instituições de ensino.

A Access MBA Tour passará por 34 cidades, tendo iniciado o seu percurso a 19 de setembro, na Nigéria, e passando por cidades como Paris, Londres, Bruxelas e Dubai, e culminando a 3 de Dezembro, em Praga. Entretanto, este é o décimo ano consecutivo que passa por Lisboa.

“O Access MBA Tour estabelece a ponte entre os executivos de negócio e programas MBA de elite de todo o mundo, através de reuniões one-to-one personalizadas entre os candidatos e os representantes das escolas” adianta Christophe Coutat, Advent Group’s Managing Director.

A iniciativa Access MBA Tour conta com 125 escolas de negócio internacionais, da Europa e da América do Norte, bem como instituições de ensino locais prestigiadas. Assim, os candidatos terão a oportunidade de se encontrar com representantes de escolas como a AESE, EADA Business School Barcelona, Lisbon MBA, IESE Business School, Hult International Business School, entre outras.

Os participantes da Access MBA Tour em Lisboa poderão ainda ter contato direto com os responsáveis de departamentos de admissão a MBAs e Master Degrees de instituições de ensino nacionais, através de sessões privadas de 25 minutos e da participação em painéis de discussão com representantes e alumni das escolas. Paralelamente, poderão também beneficiar de aconselhamento por parte das equipas da Access MBA Tour, obter informações sobre as escolas e formação disponível, bem como sobre os respetivos processos de admissão

O evento é gratuito mas a inscrição é obrigatória e deve ser realizada até dia 05 de outubro, através do seguinte link

Contabilidade e Administração do ISCAP entre os cursos do país com mais vagas ocupadas

O Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto (ISCAP), do Politécnico do Porto, é uma das instituições de ensino do país que regista maior ajustamento da oferta formativa à procura do universo estudantil. Na primeira fase do concurso nacional de acesso ao Ensino Superior, o curso de Contabilidade e Administração posicionou-se na lista dos dez cursos com maior número de vagas ocupadas a nível nacional – 235 vagas preenchidas. Também no âmbito geral, o ISCAP teve 100 por cento das vagas preenchidas, ou seja, a totalidade da sua oferta formativa para o 1.º ano (13 cursos, seis em horário pós-laboral, 746 novos alunos).

“A posição ocupada pelo ISCAP no ranking da primeira fase do concurso de acesso ao ensino superior vem reiterar a continuada posição de relevância da nossa Instituição, reconhecimento do valor e qualidade dos nossos cursos no panorama educativo nacional, incluindo os que constituem a nova oferta formativa. Continuamos a apostar num ensino de qualidade e os resultados estão à vista.”, sublinha Olímpio Castilho, presidente do Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto.

De notar que, das 30 vagas existentes para a nova Licenciatura em Criatividade e Inovação Empresarial, foram preenchidas todas as vagas (mais de 80 candidatos para cada vaga). Esta licenciatura, vocacionada para a vertente da internacionalização e do empreendedorismo dos jovens, é a primeira no país a conferir um grau conjunto com mais duas instituições de ensino superior europeias de referência, a Vilnius College (Lituânia) e a Estonian Entrepreneurship University of Applied Sciences (Estónia).

A forte aposta na internacionalização é um dos objetivos institucionais do ISCAP e o aumento da procura de alunos internacionais pela formação ministrada no Instituto é uma realidade. Este ano, o ISCAP irá receber 136 alunos internacionais neste primeiro semestre contrastando com os 96 em 2014 e os 77 em 2013.