Daily Archives: 5 Março, 2018

Pedro Dominguinhos reeleito presidente do Politécnico de Setúbal Mandato 2018-2022

O presidente do Instituto Politécnico de Setúbal (IPS), Pedro Dominguinhos, foi hoje reeleito para um novo mandato pelo Conselho Geral da instituição, órgão de gestão que reúne representantes do pessoal docente e não docente, dos estudantes e da comunidade externa.

O ato eleitoral, a que se apresentou também como candidato Pedro Neto, docente da Escola Superior de Tecnologia do Barreiro (ESTBarreiro/IPS), deu a maioria dos votos ao atual presidente, que assim conduzirá os destinos do IPS por mais quatro anos (2018-2022).

Doutorado em Gestão e mestre em Economia Internacional (ISEG -UL), Pedro Dominguinhos assumiu, em 2009, as funções de professor coordenador da Escola Superior de Ciências Empresariais (ESCE/IPS), sendo responsável por várias unidades curriculares desde 1995 e tendo desempenhado vários cargos, nomeadamente os de presidente do conselho diretivo da ESCE/IPS, entre 2007 e 2009, e de vice-presidente do IPS, de 2009 a 2014. É presidente do IPS desde abril de 2014 e atualmente também vice-presidente do Conselho Coordenador dos Institutos Superiores Politécnicos (CCISP).

O presidente reeleito apresentou-se a votos com o programa de ação “Uma referência no Ensino Superior: um Politécnico coeso, a criar valor para a região”, que mereceu a escolha da maioria dos membros do Conselho Geral da instituição.

Mais informação em www.ips.pt

AICEP e Universidade Nova criam Laboratório para servir empresas

A AICEP e a NOVA Information Management School, da
Universidade Nova de Lisboa, vão criar um Laboratório para desenvolver produtos de
informação de maior valor acrescentado para as empresas com vista à sua
internacionalização.

O protocolo de parceria com a Universidade Nova foi assinado hoje e cria o
Laboratório Knowledge Management and Diffusion com o objetivo de aproximar o
mundo académico ao mundo empresarial, permitindo uma garantia de continuidade
dos conhecimentos adquiridos na Universidade e a sua imediata aplicação à realidade
das empresas, através da AICEP.

O Knowledge Management and Diffusion pretende desenvolver os recursos
informacionais da AICEP, recorrendo a ferramentas de Inteligência Artificial, Data
Mining e Business Intelligence, para reforçar a oferta da AICEP com produtos de
informação adaptados às necessidades das empresas, nomeadamente no apoio à sua
internacionalização.

Com esta parceria, a AICEP pretende incorporar soluções inovadoras em termos
científico-tecnológicos e geradoras de valor acrescentado nos seus processos de
negócio, sendo o pivô na ligação entre as Universidades e as empresas.
O projeto faz parte do processo de transformação digital que a AICEP está a
desenvolver com o objetivo de prestar um serviço de maior valor acrescentado às
empresas nacionais que se pretendem internacionalizar e aos potenciais investidores estrangeiros.

O Laboratório irá funcionar nas instalações da NOVA IMS.
Enviamos, em anexo, duas fotografias da cerimónia de assinatura do protocolo, onde
estiveram presentes o Presidente da AICEP, Luís Castro Henriques, o Diretor da NOVA
Information Management School, Pedro Simões Coelho, o Subdiretor da NOVA IMS,
Fernando Bação, e o Administrador Executivo da AICEP, João Dias.

Jovens e mercado de trabalho com encontro marcado no Politécnico de Setúbal

Estudantes e mercado de trabalho vão, literalmente, sentar-se à mesma mesa em mais uma Semana da Empregabilidade do Instituto Politécnico de Setúbal (IPS), iniciativa conjunta com a Associação Académica do IPS (AAIPS), a decorrer entre os próximos dias 5 e 9 de março, contando com a participação de mais de 100 empresas e organizações, a maior adesão de sempre.

“À mesa com…” será uma das primeiras iniciativas do evento nesta quarta edição dedicada ao tema “Indústria 4.0 e (r)evolução no mercado de trabalho”. Logo na segunda-feira, dia 5, entre as 16 e as 18 horas, os estudantes do IPS têm encontro marcado com CEO, diretores de recursos humanos e empreendedores, podendo, num registo informal, esclarecer dúvidas sobre a integração no mundo do trabalho e o processo de criação do próprio emprego. Num total de 20 mesas, estarão responsáveis empresariais de setores muito diversificados, da saúde à informática, passando pelo desporto, química ou consultadoria.

Antes, pelas 9h30, o Auditório Nobre recebe a sessão de abertura, a cargo de Pedro Dominguinhos, presidente do IPS, e de Inês Silva, presidente da AAIPS, seguindo-se o primeiro debate sobre “Os desafios da digitalização para as práticas pedagógicas”, que contará com os contributos de vários docentes da instituição, nas áreas das Ciências Empresariais, Educação, Saúde e Tecnologia.

Nos dias 6 e 9, o programa é dedicado à discussão em torno dos grandes temas que marcam a atualidade do mundo empresarial, destacando-se a*conferência “Transformação Digital: Oportunidades e Desafios”, que contará com a presença da secretária de Estado da Indústria, Ana Teresa Lehmann*. Na sexta-feira, dia 9, Guy Mercier, do grupo químico internacional Solvay, estará no IPS para abordar o programa de robotização de processos (Robotics Process Automation – RPA) que tem vindo a ser implementado nesta empresa.

A muito aguardada Feira de Emprego decorrerá, por seu turno, entre os dias 7 e 8, em tenda montada junto à entrada do edifício sede do IPS, no _campus_de Setúbal. Mais de 100 empresas e organizações já confirmaram a sua presença, em expositor próprio ou através das 54 sessões de apresentação e das 48 sessões de recrutamento previstas, naquele que é já o maior evento de emprego no contexto do ensino superior.

Recorde-se que o IPS é atualmente a segunda instituição de ensino superior politécnico com a maior taxa de empregabilidade, concretamente de 93, 5 por cento