19 Agosto, 2019

A Universidade do Minho oferece no próximo ano letivo 57 cursos de licenciatura e mestrado integrado, num total de 2915 vagas, tal como em 2018. 

Os cursos com mais vagas são Engenharia Informática (170), Engenharia e Gestão de Sistemas de Informação (140), Direito (125), Medicina (120), Engenharia Eletrónica Industrial e Computadores (88), Enfermagem (88), Economia (87) e Engenharia Mecânica (82). A novidade para 2019/20 é a licenciatura em Negócios Internacionais passar do regime pós-laboral para diurno. Os cinco cursos com horário pós-laboral são Contabilidade, Marketing, Música, Direito e Educação, englobando 168 vagas. Os dois últimos são também oferecidos em regime normal.

A UMinho considera esta aposta diversificada, flexível e adequada aos diferentes perfis de formação, etários e profissionais dos alunos que querem prosseguir estudos, especializar-se ou reorientar a sua formação. A oferta está distribuída pelos polos de Braga (Gualtar, Congregados) e de Guimarães (Azurém, Couros). Os seus cursos de graduação mais recentes são Artes Visuais, Proteção Civil e Gestão do Território, Criminologia e Justiça Criminal, Engenharia Física, Engenharia e Gestão de Sistemas de Informação, Teatro e Design de Produto.

A UMinho tem mais de 19.000 estudantes em cerca de 200 cursos de graduação e pós-graduação, 32 centros de investigação, 12 Escolas/Institutos, intercâmbios com 80 países, bolsas de excelência para os melhores alunos, 70 modalidades desportivas à escolha e uma vida académica vibrante.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *