Tag Archives: IADE

IADE-Faculdade de Design, Tecnologias e Comunicação cria acelerador de investigação em Design

O IADE, Faculdade de Design, Tecnologias e Comunicação da Universidade Europeia criou o INVESTgate, um acelerador de investigação em Design, promovido pelo curso de Doutoramento em Design do IADE – Universidade Europeia, com o apoio da UNIDCOM/IADE – Unidade de Investigação em Design e Comunicação.

INVESTgate funciona como um concurso anual que oferece aos estudantes de doutoramento a oportunidade de, em colaboração direta com uma instituição/empresa a atuar em Portugal, a possibilidade de analisarem um desafio real e de elaborarem um projeto de investigação para uma necessidade identificada.

O propósito do INVESTgate é fomentar atividades desenvolvidas em cooperação entre os estudantes de Doutoramento em Design, UNIDCOM / IADE e empresas. Destina-se a estimular a transferência de conhecimento e sua aplicação prática na resolução de problemas e de inovação, a fim de promover o desenvolvimento económico do país, competitividade e empreendedorismo, contribuindo para a realização dos objetivos reais e globais do desenvolvimento sustentável.

O âmbito de pesquisa é diverso podendo incluir temas nas áreas do design industrial / produto, comunicação / design gráfico, design de interação, design de multimídia e design de espaço, aplicados a várias áreas, como a saúde, a educação, desenvolvimento sustentável, turismo, comércio e serviços, transportes, entre outros.

Para Emília Duarte, coordenadora do curso de doutoramento em Design da UNIDCOM/IADE, este acelerador “É uma ferramenta fundamental para aproximar os estudantes das necessidades do mercado, desafiando-os a solucionar questões reais, e também, uma excelente oportunidade para as empresas e instituições participarem em atividades de investigação, desenvolvimento e inovação”.

As empresas interessadas podem fazer o seu registo acedendo ao formulário disponibilizado para o efeito e especificamente, dando conta do problema de design que gostariam de colocar a desafio junto destes estudantes até ao dia 3 de fevereiro de 2019.

Quem se registar será convidado a participar numa ação de lançamento do seu desafio e, posteriormente, a avaliar o mérito das propostas de investigação elaboradas pelos estudantes. Podem participar instituições públicas ou privadas, com ou sem fins lucrativos, que desenvolvam atividade em Portugal. Os projetos serão desenvolvidos ao longo de um período entre um e três anos.

IADE-Universidade Europeia fecha parceria com PlayStation

O IADE –  Universidade Europeia acaba de fechar uma parceria com a PlayStation para integrar o programa PlayStation First. Esta parceria tem efeitos já a partir do próximo ano letivo, no âmbito da licenciatura em Games and Apps Development, e oferece aos estudantes do IADE – Universidade Europeia a possibilidade de desenvolver videojogos para a PS4.

 

O programa PlayStation First vai estar disponível principalmente, mas não exclusivamente, para os estudantes do terceiro ano da licenciatura em Games and Apps Development do IADE – Universidade Europeia uma vez que é nesta fase do curso que os estudantes se encontram melhor preparados para explorar as ferramentas oficiais de desenvolvimento de jogos para a PS4. No ano anterior da licenciatura, no segundo ano, os estudantes de Games and Apps Development adquirem uma forte experiência em desenvolvimento de jogos e são desafiados a dominar e utilizar ferramentas como o Unity, preparando-se para posteriormente responder às necessidades da desafiante PS4.

 

De acordo com Manuel Menezes de Sequeira, coordenador da licenciatura em Games and Apps Development, a integração do IADE – Universidade Europeia no programaPlayStation First vem reforçar ainda mais a reputação de um curso de desenvolvimento de videojogos de características únicas em Portugal. “Os estudantes de Games and Apps Development vão passar a ter a possibilidade de desenvolver jogos para a PS4, o que lhes vai proporcionar uma experiência de enorme valor no mercado de trabalho e também condições ideais para concorrer aos Prémios PlayStation. Com esta parceria, não tenho dúvidas que da nossa licenciatura vão sair algumas das futuras estrelas do desenvolvimento de videojogos”, afirmou.

 

A proximidade da Playstation às universidades tem como objetivo incentivar talentos emergentes e apoiar os melhores cursos de desenvolvimento de jogos, proporcionando um ambiente de aprendizagem em contexto real para que os melhores estudantes possam facilmente tornar-se, num futuro próximo, em “estrelas” do desenvolvimento de jogos para as suas plataformas.

 

Estas intenções vão ao encontro do propósito da licenciatura em Games and Apps Development e do modelo académico da Universidade Europeia assente na qualidade, internacionalização e proximidade com o mercado de trabalho. A licenciatura em Games and Apps Development é lecionada inteiramente em inglês e pressupõe, desde o primeiro ao último semestre, a realização de projetos por equipas interdisciplinares de estudantes – com feedback regular de membros da indústria dos videojogos -, incluindo um semestre internacional na Media Design School, na Nova Zelândia.

IADE – Universidade Europeia promove debate sobre a relação entre o processo científico e criativo

Conferência decorre no próximo dia 27 de abril, às 18h, na Casa das Histórias Paula Rego, em Cascais.

 

A convergência entre o processo científico e o processo criativo é o tema central do encontro “Salt& Pepper – InnovationConferences” – uma iniciativa organizada pelo IADE – Universidade Europeia.

 

A decorrer no próximo dia 27 de abril, a partir das 18h, na Casa das Histórias Paula Rego, em Cascais, este encontro subordinado à temática “Inovação, Renovação e Autenticidade na Ciência” encerra um ciclo de debates dedicado à criatividade e inovação, reunindo especialistas de diferentes áreas da industria criativa para analisar o impacto da investigação nas artes e no design.

 

Moderado por Cecília Carmo, antiga jornalista da RTP, a iniciativa contará com a participação de especialistas ligados às ciências exatas e às artes, nomeadamente: o Presidente da FCT, Paulo Ferrão;o neurocientista Alexandre Castro Caldas; a investigadora e diretora do CENIMAT/I3N, Elvira Fortunato; o músico Filipe Raposo, o designer Luís Alegre e o coreógrafo Rui Horta. A moderação científica estará a cargo do professor do IADE-Universidade Europeia António da Cruz Rodrigues.

 

A iniciativa Salt & Pepper foi desenvolvida pelo grupo de investigação Ideas(R)evolution do IADE-Universidade Europeia e pelo Instituto de Cultura e Estudos Sociais (ICES), com o apoio da Câmara Municipal de Cascais. Cada conferência promovida abordou um dos passos da investigação, percorrendo-se todas as fases do processo científico/artístico – Observação, Interpretação, Transformação, Sistematização e Disseminação – e colocou a arte e a ciência em diálogo, identificando elementos comuns entre as duas abordagens.

 

Os participantes foram desafiados a dar resposta à questão: “A Ciência pode tornar-se uma espécie de “habitus mental” que acaba por ser aceite pela maioria sem algum sentido critico e autocrítico, acabando por se tornar conformista, e contribuindo de certo modo para o desaparecimento do conceito de autenticidade, em que as etapas se repetem através de uma monotonia exasperante, anulando capacidades de renovação, de inovação e criação, sem aplicabilidade, fruição e juízo crítico?”.

 

Em simultâneo, pretendia-se que debatessem sobre a seguinte preposição: “O Design também se move, cria, inova em ambientes de “consenso”, por vezes inertes, através do “dissenso”, reivindicando em nome de um sentir e fazer diferente. Manifesta-se muitas vezes através da resistência a uma coação no sentido de uma repetição imposta por uma sociedade orientada apenas para dinâmicas de produção/consumo. O Design chama a si o papel de uma posição autónoma, contrastante com as fábricas do “consenso”, inovando e criando uma sociedade melhor; O Design tem este papel.  E a Ciência?”.

 

Esta conferência do “Salt& Pepper”, encerrará o ciclo de debates dedicado à relação entre a ciência e as artes e os seus respetivos processos.

6000 alunos da Universidade Europeia, IADE e IPAM limpam Pinhal de Leiria

 

A Universidade Europeia, o IADE – Creative University e o IPAM – The Marketing School vão reservar o dia 10 de maio – o dia de Responsabilidade Social do Grupo Laureate International Universities em Portugal – à limpeza e à recolha de lenha do Pinhal do Rei, em Leiria.

 

A iniciativa, realizada em parceria com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas, tem como objetivo contribuir para a prevenção de incêndios e para a recuperação de um passeio verde que termina na praia de S. Pedro de Moel, sendo muito utilizado pelas famílias durante o verão.

 

As três instituições decretaram o dia 10 de maio como “dia sem aulas” e convidaram todos os seus estudantes, professores e colaboradores, uma população de mais de 6000 pessoas, a participar na limpeza e conservação de um troço do icónico “Pinhal do Rei”, uma área que se estende por 11.080 hectares. O transporte, a partir dos diferentes Campus do Grupo Laureate em Portugal – Carnide, Santos e Porto –, é gratuito e é grande a expetativa das autoridades locais não só relativamente aos trabalhos de limpeza mas também à recuperação do Parque de Merendas, situado junto à praia e muito procurado na época balnear.

 

O Dia da Responsabilidade Social da Laureate International Universities em Portugal insere-se num compromisso global do Grupo Laureate em criar impacto positivo na sociedade, incentivando o envolvimento das suas diferentes instituições espalhadas pelo mundo com a resolução de problemas reais das comunidades locais.

 

Desde outubro de 2015, a Laureate International Universities faz parte de um novo tipo de organizações -Public Benefit Corporation -, cujo objetivo é provocar um impacto positivo no mundo através da forma como conduzem a sua atividade e se relacionam com os seus recursos, públicos e parceiros de trabalho.